Fênix de momento

Ele resurge das cinzas
mas não como uma fênix
pronta para uma nova vida.
Ressurge por um momento
talvez esteja sozinho
e lembre da boba que tanta sabe fazê-lo se sentir melhor.
Então, me procura
como se não soubesse o mal que me faz
tocar nessa ferida que nunca se cicatriza.
Diz que sente saudade
Mas do quê?
Já que nunca nos permitiu viver qualquer memória.
Faça o favor de não pensar em mim
E se pensar, não me procure!
Não enquanto não souber o que quer
Se me quer
Pois não sou forte o suficiente para te ignorar
Quando tudo que eu mais quero na vida
É que finalmente possa me notar
E não apenas por um momento
Já que todos sempre passam
Me note pra sua vida
Ou esqueça que o destino um dia
Cruzou nossos caminhos
Para o meu total tormento.

25 de outubro de 2018

deixe seu comentário