A Garota no Trem

Sinopse:

Rachel (Emily Blunt), uma alcoólatra desempregada e deprimida, sofre pelo seu divórcio recente. Todas as manhãs ela viaja de trem de Ashbury a Londres, fantasiando sobre a vida de um jovem casal que vigia pela janela. Certo dia ela testemunha uma cena chocante e mais tarde descobre que a mulher está desaparecida. Inquieta, Rachel recorre a polícia e se vê completamente envolvida no mistério. Não recomendado para menores de 14 anos.

Trailer:

Não recomendado para menores de 14 anos.

Filme baseado no livro A Garota no Trem de Paula Hawkins, para ler a resenha do livro clique aqui.

Resenha:

Após tentativas de engravidar sem sucesso, Rachel se entregou para a bebida.

A Garota no trem filme

Seu marido Tom a abandonou pela amante Anna e logo tiveram uma bebê.

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

Passou a morar de favor com a amiga Cathy, mas em seguida perdeu o emprego. Para não precisar contar pra amiga, ela viaja de trem todos os dias. Do trem ela observa tudo no trajeto. No caminho estava a sua antiga casa, que hoje seu ex divide com a amante. Próximo da sua antiga casa, havia uma casa onde morava um casal, ela  os observa na ida e na volta do trem.

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

Deles ela só sabia o que via. A vida que levavam parecia maravilhosa para Rachel, ela os invejava.

Até que um dia ela testemunhou algo que provava que a moça enganava o marido.

a garota no trem filme

Ficou transtornada, a vida perfeita deles se tornou obsessão para ela, não se conformava com a traição da moça. Foi como viver a traição de Tom novamente.

Ela não se conformava com a forma como Tom fizera as coisas, por isso rondava a casa deles, ligava fora de hora. Sempre bêbada, mal se lembrando do que fizera depois.

A Garota no trem filme

Não aguentando a frustração, ela bebeu o quanto pode e acordou em casa… nua, machucada, sem se lembrar de nada.

A Garota no trem filme

A noite anterior se tornou um imenso apagão.

Em seguida ela descobre que o casal que ela observava eram Scott e Megan.

Estava em cada noticiário, Megan desapareceu na mesma noite da qual ela não se lembrava de nada e ela havia sido vista próxima do último local em que Megan foi vista.

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

Megan era jovem, bonita e guardava muitos segredos.

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

Obcecada para saber o que aconteceu com Megan, Rachel se envolve, começa a investigar.

Aos poucos começa a ter lembranças daquela noite. Lembranças que envolviam ela, Tom, Anna e tudo parecia ligado à Megan.

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

Era extremamente difícil de as pessoas acreditarem em Rachel, nas condições que ela se encontrava, ela estava sozinha nessa.

A Garota no trem filme

Precisaria juntar as peças, forçar sua memória. Pois nem mesmo ela acreditava na sua inocência. O que quer que tenha acontecido naquela noite, mudou o destino de todos para sempre.

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

A Garota no trem filme

Comentário:

Gente, que loucura esse filme.rs Foi mantida a essência do livro, até em detalhes bobos, como se preocupar em mostrar que a narração era dividida por Anna, Rachel ou Megan, até apareceu na tela o nome delas. A Rachel não é feia como foi descrita, mas preciso dizer que a atriz fez um trabalho maravilhoso. No livro o que ela leu em jornal, no filme ela leu em tabletes, o trem pareceu bem mais moderno do que o livro me fez imaginar!rs O filme foi bem mais picante nas cenas que o livro só “deixou entender” que rolou sexo. Algumas cenas foram alteradas e excluídas. Separei algumas que notei, mas como acabou contendo spoiler, quem não se importar e quiser saber é só clicar aqui. Mantenho o que eu disse na resenha do livro, é um suspense policial incrível e com um final surpreendente. Adorei e recomendo.

Espero que tenham gostado! E quem quiser saber o que aconteceu com a Megan, corre pra assistir o filme!rs

a garota no trem

3 Comentários

  1. Elizângela Barros de Moura18 abr, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez18 abr, 2017Responder
  2. Laah Duarte29 nov, 2017Responder

deixe seu comentário