Mais perto do coração

Renata S. Tourinho

Editora: Chiado

Páginas: 74

Ano: 2017

Sinopse:

Marina é uma pequena menina que vive em um mundo separado em cores. Um dia a menina recebe de um amigo um presente misterioso que a deixa curiosa.  Ela então decide corajosamente viajar sozinha em seu barco em busca de respostas. Em seu caminho, Marina faz novas amizades e descobertas, com muitas aventuras que irão colorir e mudar o seu mundo para sempre.

Livro mais perto do coração

Resenha:

Mudanças às vezes são muito difíceis e aceitar diferenças e novidades pode também não ser nada fácil.

O país de Marina era inteiro de todos os tipos de tonalidades de rosa. Ela era uma menina muito doce. Um amigo pescador a presenteou com algumas conchinhas de uma cor que ela não conhecia. Sua mãe era muito esperta e contou que a cor nova era verde. Fascinada com a ideia de haver outras cores no mundo, partiu de barco em uma viagem para explorar outros lugares e quem sabe encontrar um local onde tudo fosse verde. O barco foi emprestado pelo seu amigo pescador, chamavam o barco de Sonho.

…quando uma pessoa tem um sonho ela não pode desistir dele.

Livro mais perto do coração

O primeiro país que Marina visitou era bem divertido, lá ela conheceu Pedro, que vivia cercado apenas pela cor azul. Ela fez descobertas sobre o país azul e Pedro ficou encantado pelas suas histórias, mas principalmente pela ideia de conhecer outros países e novas cores. Resolveu partir com a Marina, mas no seu barco azul, que se chamava Aventura.

Livro mais perto do coração

Juntos chegaram a um país não muito receptivo, onde enfrentaram algumas situações difíceis com a ajuda da nova amiga, Marília. Lá tudo era lilás. Ela gostava muito de pintar e amou conhecer novas cores. Aceitou o convite de acompanhar os novos amigos na viagem. Para o seu barco lilás escolheram o nome de Tolerância, pois foi o sentimento que eles aprenderam com as pessoas do país lilás.

…acho muito importante que a tolerância exista porque assim temos a chance de aprender muitas coisas novas com pessoas que são diferentes de nós.

Quando chegaram ao país laranja tiveram um acidente e logo conheceram Miguel, que junto com seus demais amigos ensinaram muito aos viajantes coloridos sobre amizade. Quando partiram de lá, Miguel foi com eles no seu barco recém nomeado de Solidariedade.

Ser solidário é ajudar o próximo sem ter interesse de ganhar algo em troca, é dar apoio, é ser amigo.

Em nenhum outro lugar foram tão bem recebidos como no país de Isabel. O que encontraram lá foi diferente de tudo e ficaram encantados com o cuidado que as pessoas tinham umas com as outras. Isabel também se uniu aos viajantes no seu barco chamado Amor.

Acho que o amor faz o nosso coração bater dentro do peito de outra pessoa, e deixa o coração do outro bater dentro do nosso peito.

Livro mais perto do coração

Muito mais distante encontraram um país em várias tonalidades de amarelo, onde vivia Eduardo. Todos amaram conhecer o país, mas Marina começou a desanimar de encontrar o tal país verde. Eduardo ajudou Marina a acreditar e junto com os seus novos amigos coloridos, Eduardo partiu em seu barco chamado Esperança.

Às vezes pode demorar bastante até para acontecer algo que você quer muito. Mas de toda maneira é bom continuar acreditando que você vai conseguir.

Só que não é fácil manter sempre a esperança. Nossos pequenos viajantes perceberam isso da pior maneira e o que acabaram descobrindo estava muito além do que a imaginação de qualquer um deles poderia prever.

Às vezes as tempestades são necessárias pois elas nos tornam mais experientes, mais sábios e mais fortes.

Livro mais perto do coração

O livro é um imenso aprendizado, do tipo que me fez desejar ser uma pessoa melhor. Traz pequenos detalhes, tão essenciais, mas que esquecemos ou que sufocamos quando surgem as dificuldades. E tudo dentro de uma aventura encantadora, com personagens fofíssimos. Na história a Marina guardava com ela as conchinhas verdes como lembrança para o foco da sua jornada e em mim a sensação foi de alerta para os meus tesouros, as minhas lembranças que deixei que fossem sufocadas pela vida, pelo medo, dúvida ou quem sabe até o cansaço. Não foi apenas uma leitura, foi como ganhar de presente uma boa porcentagem de esperança.

Livro mais perto do coração

Nem sei como agradecer a autora por nos deixar em tão poucas páginas tamanha demonstração de sabedoria. A leitura foi doce como você Renata e no que depender de mim, o mundo viajará com a sua Marina nessa jornada que você imaginou e resolveu registrar nos presenteando.

Livro mais perto do coração

E você o que achou? Já havia feito alguma leitura desse tipo? Acabei faz algumas horas e gostaria que nunca tivesse acabado! Já se sentiram assim? Gostaria que essa leitura fosse obrigatória!

Vou deixar algumas informações da autora: Comprar|Instagram|Facebook

Beijos

27 Comentários

  1. Jhenny Alves13 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez14 maio, 2017Responder
  2. Leitora Voraz14 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez20 maio, 2017Responder
  3. Magia é Sonhar14 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez20 maio, 2017Responder
  4. Cláudio Cabral14 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez20 maio, 2017Responder
  5. O mundo da tutty15 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez20 maio, 2017Responder
  6. Rê Toledo16 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez20 maio, 2017Responder
  7. Michele Lima16 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez20 maio, 2017Responder
  8. Kaila Garcia17 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez20 maio, 2017Responder
  9. Tamara Mansur18 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez20 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez20 maio, 2017Responder
  10. Nina Novaes21 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez22 maio, 2017Responder
  11. Luna Hybla22 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez22 maio, 2017Responder
  12. Kaila Garcia22 maio, 2017Responder
    • Marina Mafra Martinez28 maio, 2017Responder

deixe seu comentário