A LISTA DE BRETT

Lori Nelson Spielman

Editora: Verus

Páginas: 394

Ano: 2014

Publicado em: 16/01/2022

Sinopse:

Brett Bohlinger tinha a vida perfeita, ou pelo menos quase tudo que uma mulher sonha em ter aos 34 anos. Um ótimo emprego, independência financeira, um namorado lindo e um loft charmoso. Mas tudo muda completamente com a morte da sua mãe e a revelação do seu testamento. Além do luto, Brett teria que cumprir uma longa lista dos sonhos, que ela não se lembrava de ter escrito na adolescência, apenas ao concluir a lista ela teria direito a herança deixada pela mãe. Confusa com a ordem da mãe e consumida pelo luto, Brett se desespera em não conseguir cumprir a lista, porque aqueles desejos de adolescente não cabiam na sua vida atual. Mas com o apoio de Joad, Brett decide embarcar nessa jornada, um tanto impossível para satisfazer o ultimo desejo de sua mãe, o que ela não contava era que esse desafio traria a ela surpresas maravilhosas.

Uma história encantadora, de se deliciar em cada página, a leitura é fácil e envolvente, a autora consegue nos envolver nos detalhes, desejando que chegue logo o próximo capitulo.

Brett aos 34 anos, era executiva de publicidade no império de cosméticos da família Bohlinger. Tudo em sua vida estava cômodo e organizado, até que sua mãe morre deixando um testamento claro e cheio de ordens. Brett deveria cumprir uma lista de desejos que ela escreveu adolescente, e que só após a conclusão da lista teria acesso a sua herança.

As palavras da minha mãe falam comigo como se ela estivesse gritando lá de cima: “Quando estiver com medo, agarre-se a essa coragem e relaxe, porque agora você sabe que a tem, com eu já sabia o tempo todo.”

Depois de muita relutância, com a ajuda de Joad advogado da família, ela começa a refletir sobre sua vida atual e todas as mudanças que a execução da lista lhe traria. E mergulha numa jornada desafiadora em sair da sua zona de conforto e repensar em suas escolhas. E então decide tentar cumprir a lista.

Conforme os objetivos vão sendo alcançados, Brett já não se sente a mesma, está mudada e sem perceber toda aquela insegurança vai dando espaço aos desejos que ela não ousava ter desde a adolescência. Ela se depara com erros do passado a serem corrigidos, perdoar e ser perdoada, além da saudade da mãe que parece só aumentar. Brett mergulha em seu íntimo, e permite que esse mix de sentimentos venha à tona, em uma luta diária por um ano.

É claro que você mudou, mas querida, temo que tenha abandonado suas verdadeiras aspirações. Você ao menos tem alguma meta hoje em dia?

O desabrochar de Brett nos convida a repensar sobre nossa vida, nossas escolhas e navegar com ela é aceitar uma jornada de autoconhecimento, porque ela nos reflete, ela é como qualquer outra pessoa, um ser humano em busca da felicidade.

4 Comentários

  1. Fátima20 jan, 2022Responder
  2. Leila04 abr, 2022Responder

deixe seu comentário