O Jardim Secreto

Frances Hodgson Burnett

Editora: Martin Claret

Páginas: 296

Ano: 2017

Sinopse:

Descendente da aristocracia inglesa ― mas nascida e criada na Índia ― Mary Lennox é uma menina de dez anos que vê sua vida se transformar após a perda dos pais, obrigando-a a se mudar para a Inglaterra e morar com um tio que nunca conheceu. Em meio à mansão no condado de Yorkshire, Mary começa a desbravar os segredos escondidos ali, eliminando as ervas daninhas que encobrem os caminhos que levam ao secreto jardim e fazendo amizades que transformam sua trajetória e a de todos ao seu redor.

Meu mais novo favorito Top 1.

Gente, que livro lindo! E não apenas a edição, a história é maravilhosa.

Fazia tempo que eu namorava ele, mas só li pois ganhei de aniversário da minha querida Lay Cunha. (Vou agradecer pra sempre!🙌😍)

Não imaginava que a edição teria esses efeitos diferenciados na capa, mas já era de se esperar algo incrível, vindo da Editora Martin Claret.

É um jardim secreto, e eu sou a única pessoa no mundo que quer que ele esteja vivo. (Pág. 110)

Como eu já havia assistido ao filme inúmeras vezes, imaginei que a história não fosse ser novidade, mas como sempre, o filme não trouxe nem a metade do encanto do enredo. Foi uma das leituras mais deliciosas que já fiz.

O livro conta a história da pequena Mary. Ela não foi uma criança desejada. Como a família tinha muito dinheiro, a sua criação ficou por conta dos empregados e por não receber nenhum tipo de afeto, era mimada e sem noção nenhuma de bons modos.

Uma tragédia deixou a protagonista abandonada e órfã. Não desejaria para ninguém no mundo o que ela passou, partiu meu coração. Após aguardar a decisão do que seria feito com a custódia da menina, foi encaminhada para o tio que era ainda mais rico, mas também deixou a criação dela aos cuidados dos empregados. Mary mal via o tio.

Por sorte havia uma certa magia nas terras onde ela agora teria que se acostumar a viver. Sozinha, aos poucos, ela começou a explorar o local. Não demorou para que descobrisse que ali haviam grandes mistérios e ao desvendá-los, nossa pequena encontrou mais do que respostas, mas o seu lugar no mundo.

Só a história já seria puro encanto, mas há uma mensagem muito forte sobre a importância da fé nos nossos sonhos. A certeza que lutando e buscando com paciência, uma hora a recompensa vem e ainda melhor do que imaginávamos.

Narrado em terceira pessoa, a escrita é muito sensível e cheia de sentimentos. Não é uma história feliz, mas sobre recomeços.

Recomendo para qualquer pessoa, por favor leiam!

Tenho certeza de que há Mágica em tudo, apenas nós não temos consciência suficiente de nos apropriarmos dela e conseguirmos que ela faça coisas para nós… (Pág. 234)

deixe seu comentário