Talvez um dia

Colleen Hoover

Editora: Galera Record

Páginas: 368

Ano: 2016

Sinopse:

Um dos livros mais comentados de 2015 nos Estados Unidos, este é mais um sucesso arrebatador de Colleen Hoover. Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex-melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento... Tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge, um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.

É da varanda do seu apartamento que Sydney assiste prazerozamente Ridge tocar violão, e depois de Sydney terminar com seu namorado no dia do aniversário, eles começam a trabalhar juntos e percebem que tem uma parceria sem igual, Sydney compõe lindas músicas e Ridge precisa disso na sua fase de bloqueio criativo, mas como a vida não é um morango, apesar de serem perfeitos um para o outro suas vidas não são perfeitas para eles.

Um livro de drama e com um romance sem igual onde é impossível não admitir a sincronia das personagens, através da música eles conversaram e se completam de forma única e maravilhosa, lendo o livro eu torcia junto com eles para que o talvez um dia deles chegasse, com certeza se tornou um dos meus favoritos

deixe seu comentário